VERDADEIRO QT. CINEOL

Alecrim

Com odor forte e penetrante e uma leve fragrância herbácea, o óleo essencial de Alecrim verdadeiro está particularmente associado a estimulação da mente, promovendo ideias claras e visão interior, fazendo dele um ótimo companheiro para os estudos. O Alecrim verdadeiro qt. cineol também é útil desde situações de patologias respiratórias, tais como rinite, sinusite, bronquite a tratamento de dores.

Nomenclatura Botânica:

Rosmarinus officinalis qt. cineol Família Botânica: Lamiaceae Origem: Marrocos Odor: herbal, fresco, energizante Principais Componentes: 1,8 Cineol, Cânfora, Alfa pineno e Beta pineno Combina bem com: Bergamota, Lavanda Bulgária, Capim Limão, Limão Siciliano, Mandarina, Laranja Doce e Laranja Amarga. Extração: Destilação a vapor das folhas

Detalhes do produto:
O Alecrim é uma erva aromática comum na região do Mediterrâneo e devido ao seu aroma característico, os romanos designavam-no como rosmarinus, que faz parte de sua nomenclatura botânica. A palavra rosmarinus (do latim, ros, orvalho + marinus, marinho) faz referência a uma característica dessa planta: sua resistência ao orvalho marinho ou maresia. De fato, por resistir muito bem a maresia, o rosmarinho, como também é conhecido o Alecrim verdadeiro, é uma das primeiras plantas que se encontra ao se chegar a encosta do Mar Mediterrâneo.
Devido a presença principal de 1,8 Cineol e de Cãnfora, o óleo essencial de Alecrim verdadeiro qt. cineol se tornou um aliado nos tratamentos de patologias respiratórias.

Ação terapêutica:
Expectorante e descongestionante respiratório; Indicado para todo tipo de infecção virótica e bacteriana cujas complicações repercutem no aparelho respiratório; Útil para alívio de contratura muscular, uma das causas mais frequentes de dor nas costas, em cima dos ombros e no pescoço, mas ela pode ocorrer em qualquer outra área do corpo. Além disso, é comum seu aparecimento na panturrilha e nas coxas devido ao acúmulo de ácido lático produzido durante a prática de exercícios físicos; Estimulante do couro cabeludo, dando força ao sistema capilar. Ideal para tratamentos de queda de cabelo utilizando sempre diluído;
Cuidados da pele:
Tonificante e estimulante, atua sobre o sistema circulatório, os músculos e as articulações. Vai muito bem com todos os tratamentos relacionados a flacidez, gordura localizada, massagem modeladora, massagem esportiva, recuperação de atrofias; Nos pés e nas pernas, ativa a circulação, tonifica a região e desintoxica, aliviando o inchaço e a gota.

Aspectos emocionais:
Age sobre comportamento sustentando a vontade como alguém que resiste com confiança a um agressor. Ele é paciente, tenaz e seguro porque reconhece o poder do tempo. O alecrim verdadeiro sabe que não é o mais forte nem o mais rápido que vence, mas aquele que sabe gerenciar a distância e o tempo! Ajuda na tomada de decisões, dá dinâmica ao dia e estrutura a opinião própria; Promove melhoria na atenção e na memória.
Aspectos vibracionais:
Busca o vencedor dentro da pessoa, é um óleo essencial para aumentar a autoconfiança, a firmeza e a segurança, e para dar energia e foco.

Dicas:
Para tratamentos de queda de cabelos, dilua 3 gotas de óleo essencial de Alecrim verdadeiro em uma colher de sopa de óleo vegetal de abacate ou jojoba. Aplicar e fazer massagem no couro cabeludo seco com 5 gotas desta diluição por cinco minutos. Deixar agir por dez minutos (sem aquecer). Em seguida, lave os cabelos normalmente com shampoo, de preferência linha vegetal. Este procedimento é recomendado 1x por semana; Em um colar aromático, pingue uma gota de Alecrim verdadeiro e uma gota de Limão siciliano e experimente um dia de novas ideias, clareza e foco; Para obter seus benefícios nos tratamentos de gordura localizada, dilua 8 gotas de óleo essencial de Alecrim verdadeiro qt. cineol, 8 gotas de Laranja Amarga em 100 ml de óleo vegetal a sua escolha e utilize na massagem corporal.

Curiosidades:
Dizem que quando a sagrada família fugiu para o Egito com Maria levando em seus braços o menino Jesus, as flores do caminho iam se abrindo à medida que eles passavam por elas.

O lilás ergueu seus galhos orgulhosos e emplumados, o lírio abriu seu cálice. O alecrim, sem pétalas nem beleza, entristeceu lamentando não poder agradar o menino.
Cansada, Maria parou à beira do Rio e, enquanto a criança dormia, lavou suas roupinhas. Em seguida, olhou a seu redor, procurando um lugar para estendê-las.
– O lírio quebrará sob o peso, e o lilás é alto demais.
Colocou-as então sobre o alecrim e ele suspirou de alegria, agradeceu de coração a nova oportunidade e as sustentou ao Sol durante toda a manhã.
– Obrigada, gentil alecrim! – disse Maria.
– Daqui por diante ostentarás flores azuis para recordarem o manto azul que estou usando. E não são apenas flores que te dou em agradecimento, mas todos os galhos que sustentaram as roupas do pequeno Jesus serão aromáticos.
“Eu abençoo folha, caule e flor, que a partir deste instante terão aroma de santidade e emanarão alegria.”

Medidas de segurança
Se usado em doses fisiológicas e terapêuticas adequadas:

Toxicidade: não há referências encontradas na literatura pesquisada Contraindicações: Desaconselhável para o uso durante a gestação, lactantes e bebês com menos de 30 meses e para pessoas com histórico familiar de convulsão ou epilepsia.
Precauções: Manter fora do alcance de crianças e animais. Não ingerir. Não usar puro sobre a pele.

Em caso de contato com os olhos e/ou mucosas lave com água em abundância. Em caso de irritação ou ingestão, suspender imediatamente o uso e procurar um médico, levando o rotulo do produto. Manter em local fresco, seco e longe da luz. Uso externo.

 

Principais Referências:
Atenção

Os óleos essenciais são substâncias concentradas. A superdosagem pode causar dermatites e intoxicação.
A Zoe Bem Estar e Paula Siquara não se responsabilizam pelo uso indevido dos produtos aqui apresentados.
Na dúvida, siga a orientação de um Aromaterapeuta
As informações contidas neste guia são baseadas em referências bibliográficas. Não devem substituir a avaliação médica e não tem a finalidade de recomendar tratamento.

Os óleos essenciais são substâncias concentradas. A superdosagem pode causar dermatites e intoxicação.
A Zoe Bem Estar e Paula Siquara não se responsabilizam pelo uso indevido dos produtos aqui apresentados.
Na dúvida, siga a orientação de um Aromaterapeuta
As informações contidas neste guia são baseadas em referências bibliográficas. Não devem substituir a avaliação médica e não tem a finalidade de recomendar tratamento.

 

PAULA SIQUARA

SOBRE A AUTORA

Paula Siquara é Mestre em Engenharia da Ciência dos Materiais pela UFRJ, Aromaterapeuta e Psicoterapeuta com formação no Brasil e na França. Com a Aromaterapia se encontrou podendo unir todo o seu conhecimento científico com as riquezas que nos são oferecidas pela natureza através dos Óleos Essenciais. Autora do Curso Aromas com Você que tem como objetivo multiplicar a sua paixão pelos Óleos Essenciais com conteúdo de qualidade e segurança, além é claro, com o respeito que a Aromaterapia merece! E aceitou o convite da Zoe para divulgar os conceitos de bem estar e saúde, aliados aos Óleos Essenciais.